Dória acusa Major Olímpio de ter “orquestrado” vaia contra ele e leva resposta do Senador.

Questionado sobre as vaias que levou, João Dória disse que “vaias orquestradas não tem valor”

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta segunda-feira (14) que as vaias que recebeu durante formatura de sargentos da PM no Anhembi, na sexta-feira (11), foram “orquestradas”. O evento teve a presença do presidente Jair Bolsonaro, que foi ovacionado pela mesma platéia.

“Vaias orquestradas para mim não têm nenhum valor”, disse Doria. “O nosso Olimpio (senador Major Olimpio, do PSL), o major Mecca (deputado estadual pelo PSL) e Gil Diniz (PSL), com um conjunto de pessoas, montaram uma operação exatamente no sentido de criar constrangimento ao governador de São Paulo”, afirmou Doria durante coletiva à imprensa no Palácio dos Bandeirantes ao ser questionado por um jornalista sobre o fato.

O Major Olímpio divulgou um vídeo respondendo as críticas de Doria: “A sua vaia foi por sua falta de atitude. Por que não estava com a camiseta ‘Bolsodoria’? Isso é falta de palavra e de compromisso”, afirmou o senador.

Redação Escapuliu: