Maia não quer conflito com o STF sobre prisão em 2ª instância

Rodrigo Maia não pretende avançar com nenhuma proposta que contrarie a decisão do STF

Senadores e Deputados pretendem discutir, em plenário, uma PEC que coloque fim a aberração cometida pelo Supremo. Maia, no entanto disse à Folha que o Legislativo não deve avançar com propostas que tratam do assunto.

De acordo com a Folha de S. Paulo Rodrigo Maia já indicou que vai trabalhar para aprovar a proposta sugerida por Dias Toffoli, para alterar o Código Penal e evitar que processos penais prescrevam quando um réu recorrer às instâncias superiores.

“A gente tem de tomar certo cuidado porque tivemos a oportunidade de ter tratado disso [segunda instância] em março. [Apreciar as propostas] logo depois que o Supremo decidir que ia revisitar o tema pode parecer que a gente está querendo enfrentar o Supremo, e não é o caso”, afirmou Maia.

Redação Escapuliu:

View Comments (1)

  • Não é com o STF que ele não quer confusão. Esse é só mais um covarde se escondendo por trás de "leis fraudulentas", numa tentativa desenfreada de fugir de sua própria sentença, pois não lhes falta crimes cometidos enquanto parlamentar, que, certamente, o levaria a ser julgado e condenado.