Connect with us

Kalil assume erro pelas 1.900 covas abertas nos cemitérios de BH para vítimas da COVID-19: ‘A culpa é minha’

NOTÍCIAS

Kalil assume erro pelas 1.900 covas abertas nos cemitérios de BH para vítimas da COVID-19: ‘A culpa é minha’

O Prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil,considera que errou ao ter mandado abrir 1900 covas em cemitério da capital, prevendo um grande numero de mortes por covid-19.

Até o momento foram registrados 144 óbitos causado pelo coronavírus em BH.

 “ Houve um pregão, a firma apresentou um menor preço, nós abrimos, estão abertas, cova aberta não estraga, não dá defeito, não apodrece. Vamos chegar a 1900 mortes um dia em Belo Horizonte, e que esse dia esteja muito longe. Eu não sabia disso, mas assumo o erro, sem problema nenhum. Xinguei muito isso aqui, a culpa é minha mesmo ”. Disse Kalil em entrevista á rádio Itatiaia nessa segunda 29 de Junho.

Deixe um comentário

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in NOTÍCIAS

Advertisement

Em Alta

Advertisement

NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

Tendências

To Top